“Transformers’’ volta em 3D

Hoje é a estreia mundial de “Transformers: o Lado Oculto da Lua”, o terceiro e último longa-metragem da série iniciada em 2007. Filmada em 3D (ao invés de ser convertido, como foi o longa anterior), com duas horas e meia de duração e efeitos especiais mirabolantes, a produção se propõe a ser o filme oficial das férias da garotada.

A história começa em 1969, quando o homem pisa na Lua pela primeira vez. O que não foi revelado para o mundo na época do feito histórico é que os astronautas descobriram O Arco, uma nave espacial que seria decisiva na guerra entre os Decepticons (robôs do mal) e os Autobots, que formaram uma aliança com o governo norte-americano.

A trama corta então para os EUA de hoje, com o mocinho Sam (Shia LaBeouf), recém-saído da universidade, tentando conseguir um emprego e impressionar Carly, sua nova namorada. Apesar de ter salvado o mundo duas vezes, o jovem tem de levar a vida como um entregador de correspondências. Ele nem imagina que, em breve, será recrutado por Bumblebee - o Chevrolet Camaro que se transforma em robô vitaminado - para ajudar os Autobots na defesa pelo Arco e na luta contra os Decepticons.

Da sequência anterior, também continuam no elenco Josh Duhamel (como o coronel Lennox), John Turturro (o agente Simmons) e Tyrese Gibson (o chefe Epps). Entram em cena atores tarimbados, como John Malkovich, interpretando o chefe de Sam; a vencedora do Oscar Frances McDormand, que vive a secretária de Defesa dos EUA; e o galã de “Grey’s Anatomy”, Patrick Dempsey, que faz o patrão de Carly, e não se mostra bem-intencionado.

Mesmo com toda essa estopa, o filme se garante mesmo é nos efeitos especiais. Com orçamento de US$ 195 milhões (R$ 307 milhões), o diretor Michael Bay e o produtor Steven Spielberg não economizaram. Só a cena final tem cerca de meia-hora de ação ininterrupta. Mas não é indicado para quem busca um filme com boa história.

Inglesa substitui Megan Fox

Antes do personagem de Shia LaBeouf aparecer em cena, a câmera é focada em um longo par de pernas e em uma calcinha apertada, no novo “Transformers”. Por este ângulo, o espectador acompanha, em detalhes, uma mulher caminhando por um loft, até acordar o seu namorado.

As pernas em questão são da modelo inglesa Rosie Huntington-Whiteley, uma das Angels da marca Victoria’s Secret, que faz sua estreia no cinema e substitui Megan Fox como a mocinha da trama. Na época do lançamento de “Transformers 2”, Megan falou mal do diretor do filme, que resolveu cortá-la da sequência. Para justificar a ausência dela, os pais de Sam (LaBeouf) comentam que o filho tomou um “pé na bunda” da antiga namorada e se ajeitou com a atual. Isso que é prêmio de consolação.

Fonte/ Matéria: Diário de Marilia
Próxima
« Anterior
Anterior
Próximo »

POLÍTICA DE COMENTÁRIOS: O Cine 3D é um espaço público e coletivo. Todos os comentários e opiniões são muito bem vindos, mas para que tenhamos um ambiente agradável, precisamos respeitar os princípios básicos da boa convivência. Quaisquer comentários ofensivos, que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP, invasão de privacidade pessoal/familiar a qualquer pessoa, ou que não estejam de acordo com os assuntos tratados no site, serão excluídos e o autor dos mesmos estará sujeito a banimento. Caso você veja algum comentário ofensivo, que você acha que precisa ser eliminado, por favor, sinalize-o para os moderadores do site. Desde já agradecemos a sua colaboração! ConversionConversion EmoticonEmoticon